terça-feira, 26 de março de 2013

Agreste será contemplado com a duplicação da BR 423

A Duplicção da BR-423 enfim foi anunciada


A Ministra de Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, anunciou, que a presidente Dilma Rousseff (PT) irá assinar a ordem de serviço para duplicação dos 80 quilômetros da BR-423, que vai de São Caetano até Garanhuns.

O projeto foi doado pelo Estado de Pernambuco e a obra, orçada em R$ 450 milhões, será executada pelo Governo Federal.



Em meio ao clima de racha político entre a presidente Dilma Rousseff e o governador pernambucano Eduardo Campos (PSB), o governo federal anunciou, nesta segunda-feira (25), um pacote de investimentos bilionários em Pernambuco nos próximos anos.

Em Pernambuco, a presidente participa, em Serra Talhada (414 km do Recife), da inauguração de um trecho da adutora do Pajeú, que atende a 80 mil famílias no sertão estadual

Coube à ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, anunciar um investimento de R$ 3,1 bilhões no Estado governado por Campos, por meio do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento).

"São 3,1 bilhões em obras que consolidam a parceria entre os governos estadual e federal. Desse total, R$ 2,8 bilhões são do orçamento federal, e R$ 330 milhões do governo do Estado. Todo esse dinheiro será usado em obras fundamentais", disse, fazendo questão de citar que 90% dos recursos são do tesouro da União.

Segundo a ministra, o maior montante será destinado a duas obras rodoviárias. "Será R$ 1,6 bilhão para a duplicação da BR-423 entre São Caitano e Garanhuns. Também será realizado o arco metropolitano do Recife, que deve criar um caminho alternativo de acesso, liberando o trânsito da BR-101 e garantindo melhor acesso ao porto de Suape e à nova fábrica de Fiat", disse a ministra.

segunda-feira, 18 de março de 2013

Alckmin já diverge da proposta de Aécio ser presidente do PSDB

Carlos Felhberg


Começam a surgir dificuldades internas para que candidatura Aécio decole logo.
Ele diverge do projeto de Aécio O projeto tucano para ganhar tempo e colocar logo sua candidatura, a de Aécio, começa a enfrentar dificuldades. Assim, Geraldo Alckmin já diz que diverge do projeto de Aécio Neves assumir a presidência nacional do PSDB, visando fortalecer sua candidatura. Para ele a projeção no cargo seria prejudicial ao coloca-lo em atrito permanente com o governo. A indicação de Aécio é considerada importante para vencer algumas resistências internas. Nos próximos dias Fernando Henrique, que apoia Aécio, deverá estar com Alckmin e trabalha ainda para aproximá-lo de Serra. A convenção nacional do PSDB será no dia 19 de maio. E, apesar de informações admitindo que Serra poderia trocar de Partido, ele negou até que tenha feito críticas a Aécio e também de trocar de Partido.

Enquanto isso as lideranças tucanas estão cada vez mais preocupadas com as dificuldades internas que acabam atrasando a “decolagem” da campanha. Mesmo despontando como candidato potencial há algum tempo, Áécio começou o ano tendo apoio expressivo, quando o ex-presidente Fernando Henrique promoveu uma reunião com os chamados “pais do cruzado”, desenvolvendo uma sessão de análise do cenário econômico para o ex-governador mineiro. Mas embora se movimentando muito, a sua candidatura começou a enfrentar dificuldades internas e não decolou ainda como tinha projetado.

Campos foi a Dilma
O governador Eduardo Campos, do PSB, revelou que conversou com a presidente Dilma Rousseff há duas semanas sobe sucessão presidencial e disse que ela sabe que não é a hora do PSB decidir. Afirmou que continuará mantendo uma relação de respeito com Dilma e que a sucessão só será discutida em 2014: "Para mim, vale a conversa que tive com a presidente Dilma. Quando eu tiver alguma coisa para dizer ao PT, ou à presidente Dilma, ou ao conjunto, eu vou lá falar efetivamente com quem eu devo falar. Não vou ficar falando no jornal", respondeu.

Eduardo Campos: "Para mim, vale a conversa que tive com a presidente Dilma.”

“Mudanças para governabilidade”
Durante a posse de seus novos ministros a presidente Dilma Rousseff disse que mudanças são necessárias para garantir a governabilidade. "Não acredito que seja possível esse país ser dirigido sem essa visão de compartilhamento e de coalizão. Eu aprendi que numa coalizão você tem que valorizar as pessoas que contigo estão. Parceiros da luta", disse Dilma. Ela deu posse ao deputado Antonio Andrade, do PMDB, que assumiu o Ministério da Agricultura no lugar de Mendes Ribeiro. O secretário-geral do PDT, Manoel Dias, substituiu o também pedetista Brizola Neto no Ministério do Trabalho. Na Secretaria de Aviação Civil, o atual ministro de Assuntos Estratégicos, Moreira Franco assumiu em substituição a Wagner Bittencourt.

A cerimônia não teve discursos dos novos nem dos antigos ministros. Dilma afirmou, no discurso, que "a capacidade de formar coalizões é crucial para o país". No seu entender é preciso fazer opções. "Governar é necessariamente é escolher entre várias alternativas e por isso eu aprendi muito sobre o valor da lealdade entre aqueles que desenvolvem com a gente a tarefa de governar, o valor simultâneo da paciência e da urgência para cumprir prazos e metas e da sensatez nas escolhas do caminhos."

Em seu discurso, a presidente enfatizou, mais de uma vez, a importância das coalizões (alianças entre partidos) para que se possa governar. "O exercício do poder, em qualquer ente federado, União, Estado e município, é uma fonte de aprendizado", disse a presidente. "Governar necessariamente é escolher entre várias alternativas. Por isso, eu aprendi, ao longo desse período, sobre o valor da lealdade entre aqueles que desenvolvem com a gente a tarefa de governar."



"Temos que fortalecer as forças que sustentam um governo de coalizão. Muitas vezes, algumas pessoas acreditam que a coalizão é algo, do ponto de vista político, incorreto", afirmou. "Nós estamos assistindo, em alguns lugares do mundo, processos de deterioração da governabilidade justamente pela incapacidade de construir coalizões", disse, citando o exemplo da Itália.



"Eu aprendi que numa coalizão você tem que valorizar as pessoas que contigo estão, que são companheiros que acompanham a gente em uma jornada diuturna e que, portanto, têm que estar com a gente nos bons e nos maus momentos, e nós com eles", disse Dilma, sendo bastante aplaudida pela plateia lotada de aliados.

A fala de Dilma sobre as alianças partidárias foi uma resposta à oposição, que tem dito que a reforma ministerial é "eleitoreira". Ontem, Aécio Neves afirmou que "a máquina [do governo] só faz inchar e a busca pela eficiência foi substituída pela lógica da reeleição". Aécio é candidato virtual às eleições do ano que vem.

Marina: primeira crítica à reforma

Mas Marina critica
Vem da senadora Marina Silva a primeira crítica à reforma ministerial: "Não adianta mudar ministros se a lógica continua a mesma. Para manter a base do governo, os partidos ocupam espaços públicos como se privados fossem", afirmou. Marina trabalha para para viabilizar seu novo partido, a Rede Sustentabilidade e criticou o que o governo chama de "coalizão". Para ela, isso não passa de "poder pelo poder". E sobre os royalties do petróleo, Marina defendeu que os contratos sejam respeitados e que se crie um "processo virtuoso em que estes recursos possam ser distribuídos equitativamente com um princípio de justiça para todo o país".

ICMS unificado
A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado realizará mais uma rodada de debates antes de votar, no dia 26, o projeto de resolução que unifica gradualmente as alíquotas do ICMS até 2025. Deverão ser ouvidos governadores representantes de cinco regiões do país: Omar Aziz (Amazonas), Wilson Martins (Piauí), André Puccinelli (Mato Grosso do Sul), Geraldo Alckmin (São Paulo), Renato Casagrande (Espírito Santo) e Tarso Genro (Rio Grande do Sul).

Resistências
Na última audiência realizada pela CAE sobre o assunto, no dia 12, secretários de Fazenda expuseram discordâncias quanto à proposta, de autoria do Poder Executivo. Enquanto os representantes do Sul e do Sudeste apoiaram a unificação das alíquotas interestaduais em 4%, como deseja o governo federal, os das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste defenderam uma convergência para 7% e 4%. No caso, a alíquota de 4% seria aplicada na origem das mercadorias dos estados do Sul e do Sudeste e a de 7% nas demais unidades federativas.

Os secretários concordaram com a necessidade de dar mais segurança ao fundo de compensação de receitas, pelo qual a União fará transferências aos estados para cobrir perdas com a redução de alíquotas, e ao fundo de desenvolvimento regional, que substituirá o ICMS como instrumento de atração de investimentos privados.

Mas uma Pasta
Na semana passada, o Congresso Nacional aprovou a criação da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, que estaria destinada ao PSD, do ex-prefeito de São Paulo Gilberto Kassab. Mas ele teve um encontro com Dilma na noite da última quarta e disse à presidente que o partido ainda não pretende ingressar formalmente no governo, segundo informou

Dilma em Roma para participar da missa de posse do novo Papa
E aqui, o comando do PMDB já planeja o fortalecimento de suas bases estaduais.
Presidente sendo recebida em Roma A presidente da República, Dilma Roussef, chegou a Roma e deslocou-se para o hotel Westin Excelsior, no Centro de Roma. E conversou rapidamente com os jornalistas brasileiros: "Vocês sempre firmes, conseguem chegar antes de mim!" Dilma não teria agenda ontem, mas hoje deve manter encontros com autoridades E amanhã participa da missa que marcará o início do pontificado do Papa Francisco. Vota quarta e pretende ainda agendar encontro com o novo Papa. Ela foi acompanhada de Gilberto Carvalho e dos ministros de Relações Exteriores, Antonio Patriota, da Educação, Aloizio Mercadante e de Comunicação Social, Helena Chagas.

A presidente divulgou nota oficial na quarta-feira para parabenizar o Papa Francisco. E também lembrou da expectativa dos fiéis com a visita do pontífice ao Rio de Janeiro, prevista para julho. "Esta visita, em um período tão curto após a escolha do novo pontífice, fortalece as tradições religiosas brasileiras e reforça os laços que ligam o Brasil ao Vaticano", afirmou a presidente. O Papa Francisco deverá vir ao Brasil para participar da Jornada Mundial

Mudanças e a relação PT-PMDB
Para os novos ministros da Agricultura, Antônio Andrade, e da Aviação Civil, Wellington Moreira Franco, a reforma ministerial promovida pela presidente Dilma Rousseff fortalece a relação entre o PT e o PMDB. É uma das principais consequências. Andrade afirmou que a sua posse no ministério “ajuda a consolidar a união PMDB e PT” graças à “importância eleitoral que Minas Gerais tem”. Ele também admitiu que “é claro que sua posse aumenta o peso do PMDB de Minas Gerais na composição do governo”. Minas é o reduto político do candidato da oposição, Aécio Neves.

O esquema do PMDB
O vice-presidente Michel Temer vai aproveitar o momento político-eleitoral para realizar um roteiro para fortalecer o partido em todos os estados, segundo revela o presidente em exercício, senador Valdir Raupp. Eles vão percorrer as capitais e cidades-polo de cada estado semana que vem. O objetivo definido por eles: é identificar potenciais nomes onde a legenda precisa recuperar-se, fortalecer pré-candidatos aos governos e iniciar tratativas para coalizões onde houver espaço. Segundo o presidente em exercício, Valdir Raupp o objetivo é fechar pelo menos 20 pré-candidaturas a governos do estado. E fazer composição onde já houver cabeça da chapa.

Começou mesmo
A discutida antecipação da campanha eleitoral parece um fato irreversível. E ela agora passa a envolver também as disputas estaduais. Na medida que a equação federal parece definida, ao menos na área do governo, as lideranças do PMDB estão “madrugando” também nos estados. No Partido há uma convicção: a força reconhecida no plano federal deve consolidar-se também nas bases estaduais. E a meta federal ( peemedebista) pode estar um pouco mais distante, mas a hora de mostrar potencialidade é agora, tais as condições favoráveis.

Dilma: "Esta visita, em um período tão curto fortalece as tradições religiosas brasileiras e reforça os laços que ligam o Brasil ao Vaticano",

ICMS ainda
A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado realizará amanhã às 10h, mais uma rodada de debates antes de votar o projeto de resolução que unifica gradualmente as alíquotas do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços até 2025. Deverão ser ouvidos governadores representantes das cinco regiões do país. Na última audiência realizada pela CAE sobre o assunto alguns secretários de Fazenda expuseram discordâncias quanto à proposta, de autoria do Poder Executivo. Enquanto os representantes do Sul e do Sudeste apoiaram a unificação das alíquotas interestaduais em 4%, como deseja o governo federal, os das regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste defenderam uma convergência para 7% e 4%. No caso, a alíquota de 4% seria aplicada na origem das mercadorias dos estados do Sul e do Sudeste e a de 7% nas demais unidades federativas.
E mais:
Os secretários de Fazenda só concordaram com a necessidade de dar mais segurança ao fundo de compensação de receitas, pelo qual a União fará transferências aos estados para cobrir perdas com a redução de alíquotas, e ao fundo de desenvolvimento regional, que substituirá o ICMS como instrumento de atração de investimentos privados. Grande parte dos secretários defendeu também a elevação do aporte da União ao FDR, via Orçamento. Pela proposta do governo federal, esse aporte seria de 25%, com os restantes 75% assegurados por bancos oficiais.

Buarque não vai apoiar Lupe

Para Buarque PDT deve sair
O senador Cristovam Buarque disse que vai tirar seu apoio à reeleição do ex-ministro Carlos Lupi à presidência do PDT. E disse que é um erro o partido continuar na base do governo Dilma Rousseff que empossou o pedetista Manoel Dias no Ministério do Trabalho. Cristovam concorda com o governador Eduardo Campos que disse a empresários que é possível "fazer muito mais" do que a presidente Dilma tem feito: "Já passou o tempo de ela fazer mais. Está havendo um esgotamento dos quatro pilares: estabilidade monetária, transferência de renda, democracia e do modelo econômico."

Segurança pública
O Plenário da Câmara pode votar nesta semana projetos relacionados a segurança pública e a violência no trânsito. Uma comissão geral (sessão de debates) sobre esses temas será realizada amanhã e as propostas consideradas prioritárias podem começar ser votadas na quarta-feira, em sessão extraordinária.

Poderão entrar em pauta o Projeto de Lei da Comissão Mista de Segurança Pública, que estabelece normas gerais sobre o funcionamento das polícias estaduais e do Distrito Federal, especificando princípios, competências e estrutura organizacional básica de suas unidades. Tramita em conjunto com esse projeto o do Executivo, que trata do mesmo tema, mas apenas para as polícias civis. Outro projeto previsto é o do Executivo, que cria indenização para policiais federais, policiais rodoviários federais e auditores da Receita Federal em exercício em localidades fronteiriças estratégicas para a prevenção, o controle, a fiscalização e a repressão de delitos.

MP que destina recursos para seca.
Nas sessões ordinárias da Câmara a pauta está trancada pela Medida Provisória que concede um pagamento adicional aos agricultores beneficiários do Fundo Garantia-Safra e do Auxílio Emergencial Financeiro pela quebra da safra nos municípios atingidos pela seca na área de atuação da Sudene.

Procons
O governo federal enviará ao Congresso uma proposta que dá aos institutos de Defesa do Consumidor poder executivo para solucionar conflitos e diminuir as ações judiciais de relações de consumo. A medida foi anunciada pelo governo: “O maior efeito dessa lei é transformar em títulos executivos os acordos do Procon. Isso vai agilizar as decisões, eliminar custos judiciais e longas e demoradas demandas”, afirmou a presidente Dilma. Pela proposta, os acordos feitos entre consumidor e fornecedor no Procon serão considerados títulos executivos judiciais, ou seja, o órgão terá maior poder de ação em prol do consumidor.

Partilha de recursos entre estados
O Plenário do Senado poderá votar, esta semana, segundo a agência Senado, uma nova lei complementar para disciplinar o rateio de mais de R$ 70 bilhões entre os estados e o Distrito Federal. Os novos critérios do Fundo de Participação dos Estados, com validade até 2017, deverão assegurar a cada unidade federativa um piso igual aos valores atualmente distribuídos. Eventual sobra de recursos, depois de feita a distribuição com base no piso, poderá ser repartida conforme dois critérios: população e renda per capita domiciliar. O que estará na pauta, amanhã será um substitutivo do senador Walter Pinheiro a oito projetos que tratam do tema. A data da votação foi fixada pelo presidente do Senado, Renan Calheiros, que estabeleceu a solução do FPE como uma das prioridades de sua gestão, logo após a posse. Se a matéria for aprovada pelo Plenário, o Senado terá vencido a primeira etapa em direção a um novo pacto federativo e enviará o substitutivo à Câmara.

sexta-feira, 15 de março de 2013

Comunidade Quilombola de Garanhuns realiza Evento Cultural

Cultura: Comunidade Quilombola Estrela vivencia festividade

A programação será marcada por shows e apresentações culturais

Neste sábado (16) e domingo (17), a Comunidade Quilombola Estrela vivencia a primeira edição da festa Quilombola de Estrela. O governo municipal, por meio da diretoria de cultura apoia a iniciativa. A programação será marcada por shows e apresentações de grupos culturais.

Confira a Programação completa:

Festa Quilombola de Estrela

Sábado - 16/03/2013
20h - Coral de Estivas
20h30min - Grupo de Dança da cidade de Betânia
21h30min - Grupo da Comunidade de Quilombo (Águas Belas)
22h30min - Nação Quilombo (Tigre)
23h - Grupo Afro-estrela
23h30min - Djair e Banda

Domingo - 17/03/2013
19h30min - Grupo de Dança Estivas
20h - Mestre Juarez
20h30min - Nação Negra de Tigre
21h - Revelação Musical

O que acontece no MINC em Pernambuco

PERNAMBUCO

Arte transformadora de Vlavianos brinca com as formas e as matérias-primas
O escultor grego radicado no Brasil Nicolas Vlavianos abre a temporada 2013 de exposições na Caixa Cultural, no Bairro do Recife. A mostra Vlavianos – Espaço, arte, aço, tem acesso gratuito e segue até o dia 5 de maio. Entre as obras, o público encontrará desenhos, estudos e esculturas em aço e metal, a partir de peças como latão e parafusos, que ganham forma através de processos como solda e dobras. Mais informações pelo telefone (81) 3425 1906.

Exposição Diário das Frutas aporta hoje no Centro Cultural Correios
Abriu nesta última Terça-feira às 19h30, no Centro Cultural Correios/Recife, a exposição Diário das Frutas-Crônicas de Bruno Albertim e Pinturas . Com patrocínio dos Correios e do Ministério da Cultura, a mostra segue em cartaz até dia 26 de maio. Na exposição da pintora Tereza Costa Rêgo e pelo jornalista Bruno Albertim, as frutas, apontadas como entidades vegetais, são articuladas como elementos da construção identitária do Nordeste, que revela-se a partir de uma certa sensualidade antropológica extraída de cada fruta. O horário de visitação é de terça a sexta das 9h às 18h, sábados e domingos, das 12h às 18h. A entrada é franca.

Mão Molenga leva alegria ao Teatro Marco Camarotti
Neste domingo (17/03), o espetáculo Algodão Doce, do Grupo Mão Molenga, estreia dentro da Mostra Marco Camarotti, no Sesc de Santo Amaro, Recife. Aos sábados e domingos as apresentações serão realizadas às 16h. Nos dias 26/03 e 23/04 o público será contemplado com duas apresentações por dia, uma às 9h e outra às 15h. A temporada recebe apoio Sesc-PE e incentivo do Funcultura/Sec. de Cultura/Governo de PE.

Cafe com Poesia SESC Garanhuns

Cafe com Poesia SESC


Edição especial do Projeto Café com Poesia
Acontecerá na próxima terça-feira dia 19/03 no SESC Garanhuns...

Estão todos convidados.
Ação: Projeto Café com Poesia
Escritores convidados: Esio Rafael(Recife) e Marcos Passos(Recife)

Provocação:Edison Roberto (Arcoverde)
Participação especial do poeta China (Lajedo)
Painel Temático: Poesia: Retratos do Sertão

Período de realização: Dia 19 de março ( Edição Especial)
Horário: A partir das 19h30
Público alvo: estudantes universitários, professores, poetas, prosadores e afins.
Local: Salão de eventos do Sesc

CULTURA LIVRE NAS FEIRAS ACONTECE EM GARANHUNS

CULTURA:
O Projeto leva às feiras livres, diversidade de expressões artístico-culturais

Neste domingo, dia 17 de março, a partir das 6 horas, será realizada, na Feira da Cohab 1, o Projeto Cultura Livre nas Feiras. A inciativa tem como objetivo levar ao cotidiano da população que frequenta as feiras livres, uma multiplicidade de expressões artístico-culturais pelas quais os pernambucanos expressam seus conteúdos, valorizando não apenas os artistas populares, mas os usos e costumes presentes naqueles locais onde há grande circulação de pessoas.

O projeto é de inciativa do Governo do Estado, e conta com a parceria do Governo Municipal, por intermédio da secretaria de Cultura. Na ocasião, várias linguagens ocuparão o tradicional espaço de comércio ao ar livre. Circo, música, dança, teatro e fotografia integram as apresentações.

Programação Projeto Cultura Livre nas Feiras :
06h - Feira da Cohab 1 –

Adírcio Alves e Zé Caneca - Repente
Reisado Santíssimo Redentor - Cultura Popular
Nando Azevedo - Forró Pé de Serra.

terça-feira, 12 de março de 2013

CENDHEC divulga nota de repudio contra Procurador Geral do Estado pela saida da promotora Belize

pública do Cendhec sobre afastamento da promotora Belize Câmara






Segue abaixo a nota pública referente ao afastamento da promotora Belize Câmara, da Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania da capital (Meio Ambiente e Patrimônio Histórico-cultural).





NOTA PÚBLICA



O CENDHEC, Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social, constituído como um centro de defesa dos direitos humanos de crianças e adolescentes e de moradores/as de assentamentos populares vem reafirmar, por meio desta nota, seu compromisso com as instituições democráticas e sua preocupação com os últimos acontecimentos envolvendo o Ministério Público do Estado de Pernambuco.

O afastamento da promotora Belize Câmara, que vinha respondendo pela 12ª Promotoria de Justiça de Defesa da Cidadania da capital (Meio Ambiente e Patrimônio Histórico-cultural) foi um duro golpe para a sociedade civil organizada, que vinha tendo, através dessa promotoria, um canal de expressão da vontade popular e de defesa dos interesses da população.

As intervenções de Belize ampliaram a compreensão de luta por uma cidade democrática e ambientalmente equilibrada, materializada nos parâmetros da sustentabilidade urbana e no enfrentamento à especulação imobiliária que tem trazido impactos sociais e estruturais negativos para a cidade do Recife, à revelia, inclusive, das diretrizes preconizadas pelo Estatuto da Cidade.

A atuação da promotora vinha contribuindo para o crescimento da projeção e credibilidade do Ministério Público de Pernambuco junto à sociedade, fortalecendo seu papel de fiscal da lei e como espaço de defesa dos direitos coletivos e do interesse público.

Assim, entendemos a atitude do procurador geral, Aguinaldo Fenelon, como arbitrária, fortalecendo um conjunto de fortes interesses particulares, representados no Projeto Novo Recife. Interesses estes que têm contribuído para que a cidade se constitua como espaço de negação de direitos (à terra, moradia, mobilidade, saneamento, meio ambiente, etc.).

Com isso dito, lamentamos profundamente a atitude do Procurador Geral e consideramos o afastamento da promotora Belize câmara como um incalculável prejuízo para o Ministério Público do Estado de Pernambuco, para a sociedade e para a consolidação de nossas instituições enquanto democráticas!

Centro Dom Helder Camara de Estudos e Ação Social/CENDHEC

A alta do preço das verduras e legumes são levados pela seca em Pernambuco

Estudo da UFRPE e Secretaria de Agricultura mostra alta no preço das verduras e legumes


O repolho foi o produto que apresentou maior alta

Estudo realizado pela Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) e Secretaria de Agricultura, Abastecimento, Meio Ambiente e Recursos Hídricos mostra que a estiagem está provocando uma alta nos preços dos legumes e verduras em Pernambuco. Para estudar a situação, foram analisados os valores dos produtos das Centrais de Abastecimento de Garanhuns e Recife no mês de fevereiro dos anos de 2011, 2012 e 2013.

Segundo o diretor de Desenvolvimento Rural, Rômulo Fernandes, para retirar o efeito da inflação, os preços dos anos anteriores foram corrigidos pelo Índice Geral de Preços em Disponibilidade Interna (IGP-DI). “É importante destacar que a inflação , medida pelo IGP-DI, ficou em 7,85% no período de fevereiro de 2012 a fevereiro de 2013”, informou.

O repolho foi o produto que apresentou maior alta, com 163,1% de aumento. O preço passou de uma média de R$1,70 para R$4,50. Em seguida aparece o tomate, com 133,0% de aumento. A disparada nos preços é resultado da seca no Nordeste e do excesso de chuvas e das altas temperaturas na região sudeste do país.

O agricultor Geraldo Luís da Silva é um exemplo de quem sofre com o problema. Ele planta repolho há 48 anos e atualmente precisa comprar de fornecedores da Bahia para revender. Segundo ele, por feira, antes conseguia vender 500 sacos de repolho. Hoje, vende de 100 a 150. “Caiu muito a procura e, consequentemente, a venda. Antes eu cobrava R$25,00 por 20kg do produto, e hoje a mesma quantidade é 65,00 reais”, disse.

A macaxeira trazida de outros Estados, também foi afetada por conta do aumento de preço dos combustíveis no início deste ano. A oscilação foi de R$17,90 para R$40,00, oque representa alta de 123,4%.

De acordo com o professor da UFRPE, Epaminondas Borges Filho, a pesquisa mostra que a seca não afeta só o campo, mas também a comercialização dos legumes e das verduras. “O produtor rural sofre com as mudanças climáticas e, com isso, alguns dos produtos que ele fornece para quem comercializa perde na qualidade ou na quantidade. É um processo que afeta a todos, inclusive o consumidor”, afirmou.

Os produtos que apresentaram menor alta foram o quiabo (12,1%) e a batata doce (2,7%).

PRODUTO - AUMENTO
Repolho – 163,1%
Tomate – 133,0%
Macaxeira – 123,4%
Cebolinha – 120,1%
Chuchu – 119,7%
Alface Lisa – 111,3%
Coentro – 99,1%
Alface Crespo – 97,6%
Repolho Roxo – 90,7%
Pimentão – 88,9%
Maxixe – 87,8%
Cebola – 74,6%
Inhame – 72,3%
Pepino – 69,0%
Couve – 64,2%
Cenoura – 64,1%
Pepino – 50,0%
Beterraba – 46,4%
Berinjela - 39,5%
Jiló – 39,2%
Abóbora Jacarezinho – 37,6%
Alface Americano – 34,7%
Abóbora Cabocla – 31,1%
Vagem – 30,6%
Quiabo – 12,1%
Batata Doce – 2,7%

SESC Garanhuns realiza edição especial do Café com Poesia

Edição especial do Projeto Café com Poesia na próxima terça-feira dia 19/03 no SESC Garanhuns...

Estão todos convidados.


Serviço:
Ação: Projeto Café com Poesia
Escritores convidados: Esio Rafael(Recife) e Marcos Passos(Recife)
Provocação:Edison Roberto (Arcoverde)
Participação especial do poeta China (Lajedo)
Painel Temático: Poesia: Retratos do Sertão
Período de realização: Dia 19 de março ( Edição Especial)
Horário: A partir das 19h30

sexta-feira, 8 de março de 2013

A Maior Homenagem à Mulher (Vale a Pena)

Que todos os dias possa se comemorado o dia de todas as mulheres no mundo

quinta-feira, 7 de março de 2013

Parabéns para tods as Mulheres do meu Brasil!!!


Hospital Regional de Garanhuns Recebe Aula Inaugural de Residência Multiprofissional

Acontece em Garanhuns Aula Inaugural de Residência Multiprofissional do Hospital Regional Dom Moura

Aconteceu nesta quinta-feira, 07, no auditória da FUNASA, a Aula Inaugural da 3ª Turma de Residência Multiprofissional do Hospital Regional Dom Moura. O evento contou com a participação de todos os novos residentes e dos coordenadores da Unidade de Saúde, além de contar com representantes da V GERES - Gerência Regional, e da própria Secretaria Estadual de Saúde.

O início de uma nova residência, desta vez a Multiprofissional, e em breve a Residência Médica, reforça o HRDM no processo de se tornar um Hospital Escola, pois atende assim a mais uma exigência, com a qualificação no atendimento desses 15 novos residentes em enfermagem, psicologia, fisioterapia, entre outros. O Programa de Residência tem se tornado um dos mais concorridos no estado, e somente em Garanhuns tem este modelo Multiprofissional. No grupo que iniciará as atividades, tem jovens de outros estados como Rio Grande do Norte, e até do sul do país, Curitiba no Paraná.
Várias autoridades estiveram prestigiando a Aula Inaugural, dentre elas a Diretora do Hospital Dom Moura, Karla Freitas, a Gestora da V GERES, Dra. Ricarda Samara e ainda o Dr. Thiago Almeida, coordenador do Programa de Residência em Saúde da SES, Dra. Cínthia Kalyne, Secretária Executiva de Gestão de Pessoas da SES, Dr. José Eduardo, Vice-diretor do Centro Acadêmico da UFPE em Vitória do Santo Antão, Fátima Godoi, coordenadora da Residência Multiprofissional do HRDM, Romildo Armindo, responsável técnico do departamento de enfermagem do HRDM e outros profissionais, como as apoiadoras pedagógicas Bruna Souza e Reila Leiliane.

Após as boas vindas, foi apresentada pela Profª Dra. Zailde Carvalho, a palestra "Programa de Residência Multiprofissional - A Importância da Corresponsabilidade". A palestrante é coordenadora da Instituição Formadores, da UFPE de Vitória de Santo Antão.

terça-feira, 5 de março de 2013

Curtas de Pernambuco

Vara da Justiça abre inscrições para seleção de estagiários


A Subseção Judiciária de Arcoverde, onde funciona a 28ª Vara da Justiça Federal de Pernambuco, abriu inscrições desde a última segunda-feira, dia 4, para o concurso de seleção de estagiários remunerados. As inscrições seguem até o dia 15 de março.

As vagas oferecidas são para cadastro de reserva. Estão aptos a participarem da seleção estudantes de Direito que estejam cursando, no mínimo, a metade do período total do curso e, no máximo, o antepenúltimo semestre do curso. Do total de vagas, 10% são destinadas as pessoas com deficiência. As provas objetivas e discursivas acontecem no dia 17 de março. O conteúdo programático pode ser conferido no Edital nº 01/2013.

A inscrição presencial está sendo realizada de segunda a sexta-feira, no horário das 9 às 18 horas, mediante entrega de 2 Kg de alimentos não perecíveis (exceto sal), na Seção de Apoio Administrativo da Subseção de Arcoverde, localizada a Rodovia BR 232, S/N, km 258, Jardim Planalto.

Vereador Sivaldo solicita mudança no calendario do jazz em Garanhuns

O Vereado Sivaldo Albino requereu ao Chefe do Poder Executivo que estude a possibilidade de realizar o “Garanhuns Jazz Festival” em outra data e resgatar o “Carnaval Tradicional”.


A Solicitação do Vereador Sivaldo Albino foi em virtude de que o investimento de mais de 700 mil reais para o evento “Garanhuns Jazz Festival”

atrai um numero pequeno de pessoas, pois pouco mais de 2 mil pessoas por noite se fizeram presente nas apresentações, talvez se fosse realizado em outra data a exemplo da Semana Santa se poderia atrair um maior número de expectadores.


Já o retorno do carnaval tradicional seria importante, uma vez que cresce a cada ano o numero de pessoal que habitualmente viajam para o litoral nesse período estão permanecendo em Garanhuns e se deslocando a cidades vizinhas para curtir a festa de momo. Tivemos este ano vários pólos alternativos na semana anterior que foram um sucesso, a exemplo os blocos pé na bunda, pé no saco e coveiro que desfilaram na Boa Vista, as Piriguetes que desfilaram nas vilas do Quartel e Lacerdópolis e os desfile das Virgens que mais uma vez este ano superou as expectativas. Esses eventos poderiam ser ampliados e realizados no período carnavalesco. É necessários resgatar a nossa auto estima em curtir a festa tradicionais como carnaval, são João e natal.

O Apelo do Vereador Sivaldo Albino foi encaminhado ao Prefeito de Garanhuns, Sr. Izaias Regis Neto, a Sra. Gerlane Melo Secretária de Turismo, e a Sra. Cirlene Leite Diretora de Cultura.

Posse da nova diretoria da Amupe em Recife

Posse da nova direção da AMUPE reúne políticos e autoridades do Estado


O prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, é o novo vice-presidente da associação
O prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, e o prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, foram empossados como presidente e vice-presidente, respectivamente, da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe). Os Secretários de Estado, Tadeu Alencar (Casa Civil) e Aloísio Lessa (Articulação), o Presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco, Deputado Guilherme Uchôa, diversos Prefeitos, Deputados (Raquel Lyra, Diogo Moraes, Sebastião Rufino, Sílvio Costa Filho, Ricardo Costa, Rodrigo Novaes, José Maurício, Waldemar Borges), além do Senador Armando Monteiro, participaram da ocasião.

O primeiro a falar foi o Presidente da Confederação Nacional dos Municípios, Paulo Zilkovski. Em um discurso contundente, ele mostrou, em números, a situação de penúria na qual vivem os municípios. “Pernambuco tem 231 mil servidores municipais. O impacto do novo salário mínimo desses servidores trouxe uma despesa adicional de 980 milhões de Reais no caixa dos municípios”, afirmou.
O vice-governador de Pernambuco, João Lyra, representando o Governador Eduardo Campos, colocou o Governo de Pernambuco à disposição dos prefeitos para a busca de soluções que tragam a profissionalização das gestões municipais. “Somos parceiros dos prefeitos nessa luta pela repactuação do federalismo no Brasil,” afirmou. Ele destacou ainda, a larga experiência e a grande folha de serviços prestados da nova diretoria da Amupe ao povo pernambucano. O Senador Armando Monteiro convocou para uma vigília nesta terça (5), pela derrubada do veto da Presidente Dilma Roussef na questão dos royalties.

Em seu discurso, José Patriota elencou os principais eixos de sua atuação como Presidente da entidade. A luta pelo novo pacto federativo, a profissionalização das gestões, o planejamento com foco em resultados, a divulgação das boas práticas na administração municipal e a consolidação de um plano permanente de convivência com o semiárido. “Não tem um programa do Governo Federal que tenha sustentabilidade econômica. Todos, sem exceção, exigem contrapartidas do Estado e Municípios de 40% ou mais do valor do convênio. Há um choque de leis no país. Há uma que manda pagar (o novo salário mínimo) e outra que manda não pagar (a lei de responsabilidade fiscal)”, destacou.

Para o vice-presidente empossado, Izaías Régis, a nova gestão seguirá um ritmo moderno, atendendo as principais necessidades dos municípios. “É preciso entender e dividir as demandas de cada município de nosso Estado. Com planejamento, iremos trabalhar em parceria na resolução dos problemas”, destacou.

Programação Cultural - Outro destaque da noite foi a programação cultural montada no pátio da Amupe para os convidados que prestigiaram a solenidade. Na grade artística, o Balé Cultural de Afogados da Ingazeira, com o espetáculo “Seca e Sangue”, e declamações com o poeta, Alexandre Morais. A festa ainda foi animada pelo forrozeiro pajeúzeiro, Maciel Melo, Josildo Sá, Novinho da Paraíba, Beto Ortiz e Toninho Arcoverde.

Prefeitura de Garanhuns trabalha a inclussão social

INCLUSÃO SOCIAL: Deficientes aprendem a fazer ovos de páscoa

Os participantes ganham o material didático e recebem certificado de conclusão

Com o objetivo de incentivar e aprimorar habilidades, além de contribuir na renda familiar, deficientes auditivos, físicos, intelectuais e visuais de Garanhuns estão tendo a oportunidade de participarem de um curso de produção artesanal de ovos de páscoa. A realização é da Secretaria de Assistência Social em parceria com a Associação dos Deficientes Visuais do Agreste Meridional de Pernambuco (ADVAMP). Os cursos começaram ontem e seguem até sexta-feira (8), no auditório da Funasa, na Rua Pedro Rocha, s/n, bairro Heliópolis.

Divididos em duas turmas, os 22 alunos têm, na prática, noções de como preparar o chocolate, pincelar as formas, separar e decorar os tradicionais ovos de páscoa. A iniciativa propõe inserir os interessados no mercado de trabalho, ensinando a cada um deles que é possível comercializar os produtos em casa. Principalmente diante do aumento na procura por chocolate nesta época do ano, quando a expectativa de vendas também é boa. “É muito gratificante vê-los em ação.

Todos são bastante esforçados em aprender. Daqui, eles já podem preparar encomendas em casa e lucrar com a chegada da páscoa. As possibilidades são inúmeras, eles podem ir além dos ovos de páscoa e criarem outros bombons”, incentiva a professora do curso, Maria Lúcia Bezerra.

O primeiro curso, que formou 20 pessoas, aconteceu no mês de fevereiro e foi um sucesso. De acordo com a diretora da Pessoa com Deficiência, Betânia Monteiro, capacitações em diversas áreas continuarão sendo ofertadas à população. “Nossa meta é cumprir com excelência os serviços de assistência ao povo. Pretendemos continuar na formalização profissional dos garanhuenses, promovendo cursos em que eles tenham noções teóricas e práticas do que estiverem estudando”, destaca.

O processo de inclusão social faz parte das ações do Governo Municipal, que visa ampliação das responsabilidades cidadãs e a sensibilização da população em prol da quebra de barreiras preconceituosas que ainda existem na sociedade.